Lilas 1Lilas 2Lilas 3Lilas5Lilas6Lilas7Lilas8

Metrô | Estações - Linha 5 / Lilás

 Localização

  • São Paulo / SP

 

 Cliente

  • METRÔ – Companhia do Metropolitano de São Paulo

 

 Descrição dos Serviços

  • Execução de obras civis de desenvolvimento urbano para a cidade de São Paulo, contemplando obra bruta e acabamento, do trecho entre o Poço Bandeirantes e a Estação Moema, abrangendo ainda a Estação Eucaliptos e o poço de ventilação e emergência Rouxinol, da Linha 5 – Lilás, do Metrô.

 

 Aspectos Relevantes

  • As Estações Eucaliptos e Moema utilizarão o método construtivo de escavação denominado VCA (Vala Céu Aberto), também conhecido como cut-and-cover. Esse método consiste na abertura de valas de grandes dimensões, construção de paredes laterais de contenção escoradas ou em talude, e finalmente o reaterro, para posterior construção das estruturas internas definitivas (paredes, lajes e pilares) e também a execução do rebaixamento do lençol freático existente à profundidade necessária. Devido à grande interferência que esse método gera no  entorno, será necessário realizar alguns desvios de tráfego durante o período das obras e alguns remanejamentos arbóreos.

 

 

    • Em conformidade com a Lei do Psiu (limite
      de decibéis durante a noite em regiões 
      residenciais) e a Lei do Ruído (que controla
      a quantidade de decibéis emitidos pelos 
      estabelecimentos, a qualquer hora do dia
      ou da noite), será efetuado o controle do nível
      de ruído produzido pela obra e será feita, 
      periodicamente, a medição de decibéis 
      mantendo os turnos de trabalho dentro dos 
      horários permitidos, bem como as atividades 
      de maior ruído.

 

 

  • De forma a proteger a arborização urbana do município de São Paulo na construção das Estações Moema e Eucaliptos do Metrô, foram realizados estudos visando identificar as árvores que poderiam ser preservadas e as que deveriam ser transplantadas ou cortadas, considerando as mais avançadas tecnologias construtivas sustentáveis a serem empregadas na obra. O estudo apontou que serão preservadas 76, transplantadas 06 e cortadas 33 árvores, estas, localizadas em áreas onde não seria possível construir as Estações sem o corte. Para compensar o impacto causado, será viabilizado o plantio de 110 mudas de espécies nativas do Brasil.

 

  • Para a construção de túneis de ligação de acessos e de saídas de emergência será aplicado o método construtivo “Túneis Mineiros ou NATM”. O método NATM é utilizado com sucesso na construção de túneis e estações subterrâneas de grandes dimensões. A vantagem desse método é a adaptabilidade da seção de escavação, além de permitir o uso de equipamentos mais simples e abertura de várias frentes de trabalho na obra, o que aumenta a velocidade de execução dos serviços.

 

  • Materiais utilizados na obra:

- Concreto: 87.885 m³
- Aço: 9.030 toneladas
- Volume de terra movimentada: 225.730 m³
- Profundidade da escavação:
    . Estação Moema: 25 m – equivalente a um edifício de 9 andares
    . Estação Eucaliptos: 29 m – equivalente a um edifício de 10 andares

 


<< Voltar

Tel.: +55 (11) 3320-3000
contato@tiisa.com.br

SITE: Dit.a Design