FIOL 1FIOL 2FIOL 3FIOL 4FIOL 5

Ferrovia Oeste-Leste

 Localização

  • São Desidério/BA

  

 Cliente

  • Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S. A.

 

 Descrição dos Serviços

  • Execução de serviços de engenharia para implantação do sub trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), entre Ilhéus/BA e Barreiras/BA, Lote 7.

 

 

 Extensão

  • 161 km

 

 Aspectos Relevantes

  • A Ferrovia de Integração Oeste-Leste representa, com seus quase 1.500 km – de Figueirópolis, no Tocantins, à Ilhéus, na Bahia, – a interligação das regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste.

 

  • A ideia de construir a ferrovia está ligada, principalmente, à soma de duas demandas: grãos do oeste baiano e minério de ferro da região de Caetité. Com a FIOL, parte do transporte rodoviário será substituido pelo transporte ferroviário entre as regiões interligadas.

 

  • A implantação da ferrovia ainda proporcionará outros benefícios, tais como: redução dos custos de transporte de grãos, álcool e minérios destinados ao mercado externo, devido à economia de combustíveis; maior competitividade dos produtos brasileiros no exterior; menores custos dos produtos comercializados no mercado interno; incentivo à investimentos, à modernização e à produção; aumento de renda e de emprego na região; redução da poluição nas localidades vizinhas à rodovia, com diminuição de 95% da emissão de gases do efeito estufa, se comparada ao transporte rodoviário; e redução do risco de acidentes no transporte de cargas.

 

  • Durante a execução das obras são implantados programas ambientais, aprovados pelo IBAMA,  para a preservação do meio ambiente, como também da qualidade de vida da população do entorno, abrangendo: fauna, vegetação, conservação do solo e água, lixo, combate às queimadas, resgate arqueológico, qualidade do ar, educação ambiental, indenização e realocação de populações, contratação e treinamento de pessoal, entre outros.

 

  • As empresas que executam as obras estão orientadas a contratar, preferencialmente, pessoas que residem na região. Durante o processo de construção da ferrovia, empresas e funcionários são instruídos a interferir o mínimo possível nos hábitos, costumes e rotinas da população, preservando, assim, as características de cada localidade.

 

  • O Consórcio formado pelas empresas: TIISA | Infraestrutura e Investimentos S.A., Construtora Cowan S. A., Trier Engenharia Ltda e Pelicano Construções S. A. venceu a licitação para a construção do Lote 7 do empreendimento, que totaliza investimentos da ordem de R$ 536 milhões, com prazo de execução previsto para 28 meses.

 

 

  • Materiais utilizados na obra: 

- Terraplenagem: 5.566.910 m³

- Lastro: 414.000 m³

- Via Permanente: 145,54 km

- Dormentes: 252.567 unidades

- Trilhos: 18.184 toneladas

- Pontes e Viadutos: 06 unidades

- Obras de Arte Corrente: 124 unidades

- Passagens Inferiores: 02

 


<< Voltar

Tel.: +55 (11) 3320-3000
contato@tiisa.com.br

SITE: Dit.a Design