Ferrovia Norte-Sul1Ferrovia Norte-Sul2Ferrovia Norte-Sul3Ferrovia Norte-Sul5Ferrovia Norte-Sul7Ferrovia Norte-Sul8Ferrovia Norte-Sul9

Ferrovia Norte-Sul

 Localização

  • Lote 15 – Alvorada / TO
  • Lote 05 – Iturama / MG

  

 Cliente

  • Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S. A.

 

 Descrição dos Serviços

  • Lote 15 - Execução de obras de infraestrutura, superestrutura e obras de arte especiais na Ferrovia Norte-Sul entre Córrego Chicote - km 1029,89 até Rio Cana Brava - km 1095,71

 

  • Lote 05 - Execução de obras de infraestrutura, superestrutura e obras de arte especiais na Ferrovia Norte-Sul entre Rio Arantes/MG e Estrela do Oeste/SP

 

 Extensão

  • Lote 15 - 66 km
  • Lote 05 - 141 km

 

 Aspectos Relevantes

  • Instalação de uma Fábrica de Dormentes para suprir cada obra, através dos serviços de fabricação e montagem dos dormentes na via. Esta iniciativa proporciona ganhos na otimização de custos e na logística do empreendimento.

 

• Na obra do Lote 15, construção de uma
   ponte de 60 m sobre o Córrego Chicote
   km 1030,025, Estado do Tocantins.

 

• Na obra do Lote 05, construção de uma
   ponte de 450 m sobre o Rio Grande, na
   divisa entre Minas Gerais e São Paulo.

 

• O andamento das obras no Lote 05 é o
   mais adiantado entre todos da Extensão
   Sul da ferrovia, e o mais avançado em
   relação ao cronograma geral de todo o
   projeto, chegando ao dobro da média
   dos demais.

 

 

  • Uma das principais características e desafios deste empreendimento é a diversidade de elementos arquitetônicos presentes no projeto, tais como: pontes, viadutos, bueiros, passagens superiores e inferiores, além da própria via permanente. Para manter o ritmo acelerado da obra, todas as atividades estão sendo realizadas de forma segmentada e, ao final, serão feitas as interligações.

 

  • A FNS - Ferrovia Norte-Sul, cuja extensão total abrange cerca de 2.100 km, foi projetada para promover a integração nacional, minimizando custos de transporte de longa distância e interligando as regiões do Norte e do Nordeste às do Sul e do Sudeste, através das suas conexões com cinco mil quilômetros de ferrovias privadas.

 

  • A integração ferroviária das regiões brasileiras será o grande agente uniformizador do crescimento auto-sustentável do país, na medida em que possibilitará a ocupação econômica e social do cerrado brasileiro - correspondente a 21,84% do território nacional, onde vivem 15,51% da população brasileira - ao oferecer uma logística adequada à concretização do potencial de desenvolvimento dessa região, fortalecendo a infraestrutura de transporte necessária ao escoamento da sua produção agropecuária e agroindustrial.

 

  • Importantes benefícios sociais estão surgindo com a Ferrovia Norte-Sul. A articulação de diferentes ramos de negócios proporcionada por sua implantação está contribuindo para o aumento da renda interna e para o aproveitamento e melhor distribuição da riqueza nacional, a geração de divisas e abertura de novas frentes de trabalho, permitindo a diminuição de desequilíbrios econômicos entre regiões e pessoas,resultando na melhoria significativa da qualidade de vida da população da região.

 

  • Quando estiver plenamente em operação, a FNS deverá transportar 12,4 milhões de toneladas / ano, com um custo médio de longo prazo equivalente a US$ 15 / 1000 ton/km, menos da metade do frete rodoviário.

 

  • De acordo com os estudos mercadológicos, a FNS poderá absorver cerca de 30% do volume de carga transportada pelas principais rodovias. Do norte em direção ao sul a carga será composta de commodities, minerais e produtos agrícolas; e do sul para o norte seguirão combustíveis, fertilizantes e cargas gerais.

 

• Lote 15 / Alvorada-TO

   Materiais utilizados na obra: 
  - Instalação do Canteiro: 1.070 m²
  - Desmatamento, destocamento 
    e limpeza: 3.077.433 m²
  - Terraplenagem: 2.513.063 m³ de
    movimentações de terra
  - Revestimento Vegetal para Proteção
    de Taludes: 2.372.814 m²
  - Drenagem Superficial: 50.000 ml
  - Brita para Lastro: 173.228 m³
  - Via Permanente: 66 km
  - Dormentes: 113.110 unidades
  - Trilhos: 8.892 toneladas
  - Obras de Arte Corrente: 1.305 ml
  - Passagens Inferiores: 3 unidades
 

- Fábrica de Dormentes Capacidade de Produção: Total de 250.000 unidades,

  equivalentes a 760 unidades/dia

- Pedreira | Capacidade de Produção: 1.800 m³/dia

 

  • Lote 05 / Iturama-MG | Materiais utilizados na obra: 

- Terraplenagem: 141 km (6.500.000 m³    
  de 
movimentações de terra)   
- Revestimento Vegetal para Proteção 
  de Taludes: 2.805.908 m²
- Drenagem Superficial: 140 km
  de canaletas
- Brita para Lastro: 385.000 m³
- Via Permanente: 141 km
- Dormentes: 257.350 unidades
- Trilhos: 18.529 toneladas
- Pontes e Viadutos: 6
- Obras de Arte Corrente (bueiros
  tubulares e 
celulares): 240 unidades
- Passagens Inferiores: 15 unidades
- Fábrica de Dormentes | Capacidade
  de 
Produção: Total de 250.000
  unidades, 
equivalentes a
  760 unidades/dia

- Pedreira | Capacidade de Produção:
  1.800 m³/dia

 


<< Voltar

Tel.: +55 (11) 3320-3000
contato@tiisa.com.br

SITE: Dit.a Design